Archive for Descaso com a História

Novo Endereço do blog!

Anúncios

Descaso com a História: Ato de Protesto COMPAREÇAM!!!

Descaso com a História: Casa da rua Júlio de Mesquita 797

Veja a foto da bela casa (projeto de Antonio Cezar & Filhos e Octávio Cezar & Irmãos, datado de 1943.) da citada rua.

Veja nas 3 fotos da sequência o que aconteceu com ela neste 05 de junho. Tal crime contra o patrimônio histórico começou na calada da noite do dia 04 de junho. As fotos abaixo foram cedidas por Arloni Bais Junior.



O que posso dizer: Mais uma vez; o poder da especulação imobilária venceu. Este não será o último; mais virão. Pobre Campinas, pobre São Paulo, pobre Brasil. Pobre de nós; os defensores do patrimônio e memória histórica de Campinas. Estamos fadados a morrer…porém continuaremos a nossa luta…se bem que inglória.

Descaso com a História: Palácio dos Azulejos – Aguarda por restauros há seis anos

Neste 25 de abril, em matéria da excelente jornalista Maria Teresa Costa, do jornal Correio Popular; versa sobre a espera de seis anos para a permissão de captação de recursos para a segunda fase do processo. Por ser o único bem histórico de Campinas que é patrimônio municipal, estadual e nacional; o imóvel aguarda autorização do Ministério da Cultura para a captação. Triste; mas é verdade.

Acima foto da década de 1940 e abaixo foto de 1978.

Descaso com a História: Sanatório Santa Izabel

Abaixo propaganda em revista de 1939.

Acima notícia do fim do mesmo. E abaixo imagem do local nesta data.
Veja abaixo, circundado em vermelho, o terreno abandonado.

Descaso com a História: Monumento à Thomaz Alves

Incrível isto acontecendo no Centro de Campinas.
Em 23 de abril de 2007 o monumento estava assim.

Nesta data, 15 de janeiro de 2010, o mesmo se encontra assim. LAMENTÁVEL!!!!
Clique sobre a foto para ver com mais detalhes.

Descaso com a História: Correntes do Monumento à Carlos Gomes

Desrespeito total ao grande maestro que Campinas viu nascer e o mundo o aplaudiu. Há tempos que as correntes já não fazem mais parte do monumento, como se pode vê-las em foto de 1936.
Nesta data está assim; inclusive na praça que deu origem a cidade. TRISTE!!!

Descaso com a História: Monumento à Imprensa Campineira

Dentro do meu “hobby” de memorialista e preservacionista da memória histórica campineira; saio sempre a procurar dados na cidade (chamo de “arqueologia urbana”) para mostrar algo dentro de uma das dez sessões que meu blog tem:

Curiosidades; Descaso com a História; Efeméride; História Agradece; Livros x História de Campinas; Memória Escrita; Memória Fotográfica; Monumento; Ontem e Hoje e Personagem.

Veja no rodapé de cada postagem o termo “marcadores” – clicando sobre ele; você receberá todas as postagens do título mostrado. Exemplo disto; sempre coleto uma foto antiga e vou ao local – desde que consiga indentificar – para completar o “Ontem e Hoje”.

De posse de uma das fotos antigas aqui mostrada fui ao local. E vocês verão que de “Ontem e Hoje” virou “Descaso com a História”. E com certeza irão concordar comigo; principalmente pelo descaso estar na principal avenida da cidade de Campinas.

Acima material publicado pela Prefeitura Municipal de Campinas em 1974.

Acima o monumento em 1973 e abaixo – junho de 2009 – o que resta dele (completo descaso com a história campineira).

Pode-se, na foto abaixo, ver ainda o restou da pedra que foi usada para se criar o monumento.

Acima foto da década de 1970 e abaixo em junho de 2009. TRISTE E LAMENTÁVEL. Ao fundo a principal avenida de Campinas.

Descaso com a História: Antigo prédio da Cervejaria Columbia

O assunto foi destaque na imprensa escrita e televisiva em maio de 2008. Passado 1 ano (neste 06 de junho) retornei ao local para a ver a situação. Porém o descaso com a história da cidade continua.



As fotos abaixo é deste 06 de junho de 2009. Com o fechamento do local, aparentemente não existe mais a invasão.


Uma vista geral da antiga fábrica, as fotos abaixo são de dezembro de 2008. Vale relatar que as janelas hoje estão seladas com tijolos pelo lado dentro.

Descaso com a História: Chaminé da antiga Cervejaria Colúmbia

Acompanhe o caso e tire suas conclusões. A minha; o título da seção já expressa a opinião.

Neste 06 de junho, estive no local conferindo os fatos, passados 3 anos; veja o que encontrei. Chaminé nada! Terreno abandonado! Esta é a “cara” da preservação da memória histórica de Campinas. Muito triste.



Ah; só restou o número no local. Triste.

« Previous entries